CARNAVAL EM MADALENA FOI SUCESSO TOTAL

Publicado em 16/02/2018 por PMSMM

Santa Maria Madalena, cidadezinha hospitaleira e aconchegante do interior do estado do Rio de Janeiro, é conhecida por ser a terra natal da atriz Dercy Gonçalves e por ter um carnaval com muita tranquilidade e animação.

 

E em Madalena, quando o assunto é carnaval, a coisa é levada a sério! A população praticamente dobra de tamanho e nos dias de folia e a Barão de Madalena, rua onde se concentra evento, fica completamente lotada durante a programação, que sempre segue com muita alegria e descontração.

 

O carnaval começou na sexta-feira com a entrega da chave da cidade ao Rei Momo e teve diversas atrações durante todos os dias como banho de espuma e matinê para não deixar a criançada de fora da folia, a banda Venenos da Serra animando o público com marchinhas de antigos carnavais, 17 blocos de embalo divididos entre a sexta, domingo e terça que arrastaram a multidão subindo e descendo a Barão. No sábado e na segunda, o brilho do carnaval ficou por conta das escolas de samba, a Mocidade Independente do Itaporanga (Azul e Branco) e a Unidos de Madalena (Vermelho e Branco) respectivamente.

 

A Azul e Branco veio para a avenida com o tema, A ESMII supera a crise! A escola do Parque Itaporanga, trouxe para a Barão fantasias, alegorias e adereços que representavam as causas e os causadores da crise, além das consequências formadas por ela. Com aproximadamente 300 componentes, a Azul e Branco desfilou com 09 alas e 05 carros alegóricos, a Águia, o símbolo da escola abriu o desfile onde foi abordado o Congresso Nacional, um ninho de cobras; a Lava Jato; O leão do IR e os impostos e as consequências da corrupção.

 

A Vermelho e Branco levou para a avenida o tema O Brasil é uma festa, abordando as festas típicas de cada região do país com 04 carros alegóricos, 01 tripé, 05 alas totalizando 208 componentes. Na Região Norte foi representada pela festa de Paraintins com os bois Garantido e Caprichoso, a Região Nordeste com a Festa de São João e a Festa do Senhor do Bonfim, a Região Centro-Oeste com a Festa Sertaneja, a Sul com a Festa da Uva e a Oktoberfest e a Região Sudeste com o Carnaval, é claro! Um fato curioso em Madalena, é que desde o surgimento das duas escolas de samba na década de 80, não há apuração para ver qual escola de samba foi campeã, gerando especulações dos torcedores que escola tal foi melhor que a outra e vice- versa, e assim fica sendo.

 

O desfecho das noites de folia ficou por conta de Trio Elétrico e das bandas X Energia na sexta-feira, Sandro Marques no sábado, Priscilla Campos no domingo, Gabriel Stork na segunda e o encerramento ficou por conta da banda Explosão Tropical na terça. Segundo cálculos da Prefeitura, a Barão de Madalena chegou a comportar 20.000 pessoas entre moradores e turistas, sem contar as transversais e a área de alimentação na Praça Frouthé, um novo record de público, e isso comprova que o Carnaval 2018 em Madalena, mais uma vez foi sucesso total!

 

Por Raniery Costa




Voltar